Compostagem doméstica

Você precisará de:

Um recipiente (caixa de madeira ou de plástico), palha de grama seca, serragem e terra.

Com essa dica você pode criar uma composteira para transformar o lixo orgânico em compostos orgânicos e ajudar a reduzir o lixo jogado nos aterros sanitários. A ideia é simples e adaptável para pequenos espaços, como casas sem quintal e apartamentos.

 

A composteira é um recipiente, que pode ser um caixote de madeira usado em feiras livres com forração de plástico ou uma caixa de plástico, que sirva para armazenar material orgânico, como os restos de frutas, legumes, verduras, cascas de ovo, borra de café, saquinhos de chá, papel usado na cozinha, embalagens de papel que não sejam plastificadas, papelão, jornal, entre outros itens que se deterioram com facilidade.

Comece fazendo a separação, você pode usar um coletor para resíduos recicláveis e outro para despejar os resíduos orgânicos.

À medida que você despejar cada porção de lixo orgânico misture a serragem, ela absorverá a umidade e adicione um pouco de terra para apressar a produção de microorganismos que ajudam a preparar o composto. Cubra com palha de grama seca. O ideal é manter em um ambiente com sombra.

terra

Fique esperto!

Para fortalecer o composto, mexa diariamente ou a cada dois dias. Se a composteira for preparada adequadamente não deixará mau cheiro e nem atrairá insetos. O composto ou adubo natural estará pronto em um ou dois meses.

Dicas:

 

Aproveite esta ideia para estimular as crianças a gostar e respeitar a natureza;

Use o composto ou adubo de qualidade para nutrir as suas plantas ou despejar em áreas ajardinadas do seu bairro.

Com informações do Eco desenvolvimento e Biosfera.

 

Deixe um comentário